fbpx

GestorIdeal

Em apenas 5 itens, saiba se é necessário um financiamento para sua pequena empresa

É preciso muita cautela e planejamento antes de realizar um financiamento, mesmo para investimentos.
Pensando nisso, selecionamos alguns pontos importantes para o empreendedor analisar antes de realizá-lo, veja só:

1. Entenda suas necessidades

Qual é a real necessidade desse financiamento? Como você enxerga sua empresa nos próximos dois anos sem o financiamento?
Reúna-se com os demais sócios e seu contador para definirem exatamente o porquê sua empresa deve tomar essa atitude.

2. Tenha um foco

Defina uma meta maior, um sonho que você quer realizar com esse dinheiro que entrará para a conta da empresa. Pode ser expansão, capital de giro, pesquisa e desenvolvimento ou algo que não dê lucros diretos, mas que contribua para a saúde organizacional da empresa, como uma sala de jogos ou novos ar-condicionados. Estabelecer seu foco irá fazer com que não desanime ou volte atrás quando passar por dificuldades financeiras.

3. Conheça bem as linhas de créditos disponíveis

Converse com seu contador e juntos pesquisem quais são as principais linhas de crédito disponíveis no mercado, o prazo, carência, taxa de juros e garantia. Observe se o retorno de investimento será suficiente para pagar as taxas e juros sob o financiamento.

4. Planeje detalhadamente seus gastos para não acabar com mais dividas

Antes de assinar os contratos do financiamento, estabeleça suas finanças entre seis à doze meses e simule cenários de insucesso para traçar o plano B. É necessário que seja feito pois devemos ser realistas quanto à isso, sem deixar, é claro, de pensar positivo.

5. Tenha todos os dados financeiros da sua empresa em ordem

Com as despesas, receitas e o plano de contas da sua empresa estruturados, fica mais simples de calcular quais pontos precisam realmente de investimento. Utilizar um Sistema de Gestão Online integrado com um bom painel de controle, como o GestorIdeal, também será de grande valia para fugir dos “achismos” e passar a realizar investimentos indispensáveis para o bom andamento da empresa.

Essas são dicas básicas que podem fazer toda diferença para otimizar o uso do seu financiamento e não embolar-se nas taxas e juros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Top