4 passos para iniciar um plano de Marketing no seu consultório

4 passos para iniciar um plano de Marketing no seu consultório

Se o seu objetivo é aumentar o número de pacientes do consultório, desbancar a concorrência, criar uma imagem forte no mercado e aumentar o faturamento, uma estratégia de Marketing é o que você precisa! Saiba agora com iniciá-la com um passo a passo.

O Marketing é fundamental para que as maiores empresas do mundo alcancem seus objetivos, independente da área em que elas atuam.
Até porque criar ações a fim de entender seu público, mercado e como um produto ou serviço pode ser útil a eles é o primeiro passo para ter sucesso e agir de maneira assertiva, sem depender da sorte. Costumam achar que Marketing é algo apenas relacionado a vendas, como se ele existisse
apenas para promover produtos, mas não é bem por aí que funciona. O estudo mercadológico, na verdade, é crucial para que empresas saibam como se posicionar diante do mercado e para os clientes, qual a melhor forma de se comunicar, o que fazer ou não e claro, vender. Diante desse cenário, a mesma lógica se aplica para consultórios, que basicamente são negócios que precisam de clientes para garantir o funcionamento de suas atividades e
alcançar objetivos de curto, médio e longo prazo. Quer saber como iniciar um plano de Marketing? Continue a leitura deste conteúdo e
descubra!

1 – Tenha uma persona

Esqueça a ideia de público-alvo. Ou melhor, baseie-se nela para otimizar seu alcance? Bom, esse é um conceito abrangente, que trabalha com o alcance a partir de um grupo de pessoas com características semelhantes. Por exemplo: mulheres de 30 a 45 anos, classe B, moradoras de Belo Horizonte que têm interesse em procedimentos estéticos. Essa definição, portanto, é um ponto de partida para direcionar seu serviço ao paciente
certo pela criação da persona. Persona: é um perfil fictício de cliente ideal criado a partir do público-alvo, porém com dados reais e informações mais detalhadas sobre o perfil dos compradores de um negócio. Exemplo de persona: Paula, 42 anos, empresária, moradora de Belo Horizonte, classe
média alta, deseja resolver questões estéticas relacionadas ao seu sorriso e usa a internet para procurar procedimentos que resolvem seu problema.
Neste caso, é bem provável que a Paula esteja procurando por clareamento dental com moldeira ou lente de contato de dente, e assim fica mais fácil direcionar as ações de Marketing para a pessoa certa.

2 – Planeje

Lembre-se: Marketing trabalha com dados e nunca com suposições. Diante disso, antes de colocar um plano em prática sempre crie um planejamento completo visando possibilidades e definindo objetivos. Tenha muito bem definido o porquê do seu Marketing existir, quais são suas metas e planos de curto, médio e longo prazo. Dessa forma, estabeleça também KPIs (indicadores-chave de desempenho) para que seja possível mensurar os resultados obtidos, como redefinir ou otimizar a estratégia se necessário e por aí vai.

3 – Monitore seu mercado

Observar o que já foi feito minimiza consideravelmente as chances de erro. Simples assim. Por isso, mapeie seus principais concorrentes e estude: como eles se posicionam, a maneira que se comunicam com seus pacientes, em quais ferramentas e canais investem, qual é sua estratégia carro-chefe, dentre outros fatores que podem surgir. Tendo pleno conhecimento sobre o que já foi feito ou não, é possível saber o que dá certo e
quais são os melhores caminhos para explorar. Lembre-se: o ideal aqui não é copiar seus concorrentes, mas estudá-los a fim de identificar suas forças e fraquezas. Afinal, vocês vendem o mesmo serviço e em tese têm personas similares.

4 – Localize necessidades e ofereça soluções

Este passo é muito importante para que um plano de Marketing seja realmente efetivo e traga os resultados esperados! Sabendo que o princípio do Marketing é o estudo de mercado, dê ao seu serviço valor que o caracteriza em um solucionador de problemas.
Como é isso na prática?
Bom, entenda as dores e desejos da sua persona e ofereça soluções a ela, seja por meio de informações úteis e valiosas, conteúdos ou mesmo o serviço. Afinal, um paciente dificilmente procura por um aparelho dental transparente, mas sim por um tratamento que renove seu sorriso e devolva a autoestima. O valor que você cria acerca do seu serviço é o que diferencia o seu consultório da concorrência. Por fim, mas não menos importante: trabalhe sempre com o pensamento de que Marketing é teste e uma estratégia para ser considerada boa precisa ser implantada no timing correto,
de modo que estimule o público.


Este conteúdo foi produzido por Vue Odonto, clínica especializada em prótese sobre implante dentário



Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.